Airton busca programa de qualificação profissional e renda para desempregados em São Carlos

Reunião no Paço Municipal

O Prefeito Airton Garcia recebeu nesta quarta-feira (11/08), no Paço Municipal, acompanhado dos secretários de Trabalho, Emprego e Renda, Nino Mengatti, de Planejamento e Gestão, Luís Antônio Panone, de Fazenda, Mário Luiz Duarte Antunes e de Meio Ambiente, Ciência, Tecnologia e Informação, José Galizia Tundisi, o diretor regional de Desenvolvimento Econômico do Estado de São Paulo, Ricardo Valentim Lopes. Na pauta da reunião a adesão ao programa de auxílio-desemprego denominado Bolsa Trabalho coordenado pela Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico (SDE).


O programa proporciona qualificação profissional e renda para cidadãos que estão desempregados e em situação de vulnerabilidade social. Os beneficiários receberão qualificação profissional para atuação em áreas de zeladoria predial e urbana e atuarão em atividades como limpeza, conservação e manutenção de órgãos públicos estaduais e municipais em contrapartida ao benefício financeiro oferecido pelos municípios.


De acordo com Nino Mengatti, secretário de Trabalho, Emprego e Renda, o benefício é de R$ 450,00, pago para ajudar o estudante com suas despesas durante a realização do curso. “Vamos optar pela área de zeladoria e todas as regras para participação vamos divulgar após o cadastro de adesão. Inicialmente devem ser destinadas 60 vagas para São Carlos”.
O prefeito Airton Garcia agradeceu o diretor regional de Desenvolvimento Econômico do Estado de São Paulo, Ricardo Valentim Lopes, pela visita e pela inclusão de São Carlos no programa. “É uma oportunidade de capacitação remunerada, o que ajuda na renda das famílias e qualifica os jovens para encontrar uma vaga no mercado de trabalho. Essa parceria ajuda muito os municípios”, avaliou o prefeito de São Carlos.


O Bolsa Trabalho requer que o indivíduo tenha de 16 a 20 anos de idade e que esteja matriculado em cursos vinculados ao sistema nacional de ensino.