Airton: “Seguimos a ciência, aulas presenciais não voltam, vamos preservar vidas!”

Airton: fim de um ciclo

O prefeito Airton Garcia anunciou nesta sexta, 14, que São Carlos não retomará as aulas presenciais neste ano de 2020. Ele explicou que não há segurança para esta situação e que o retorno deverá ocorrer em 2021 quando uma vacina deve estar sendo aplicada, assim como outras condições sanitárias deverão estar em pauta. “Desde que a pandemia da COVID-19 foi declarada pela OMS, temos nos orientado pelas informações das autoridades sanitárias, da ciência e de exemplos pelo mundo para as nossas tomadas de decisão, sempre atentos também à realidade de São Carlos e ouvindo a nossa população”, afirmou.

Segundo ele, a Prefeitura trabalha com várias possibilidades. “Analisamos todos os cenários possíveis e chegamos à decisão de que não há ainda condições seguras para o retorno das aulas presenciais da rede municipal em 2020. Desta forma, mantemos o nosso objetivo primário desde o início de toda esta fase: preservar vidas”, falou.

 

Tamanho da Rede Municipal

O município possui 60 unidades escolares, sendo 10 EMEBs (Escolas Municipais de Educação Básica), 01 EMEJA (Escola Municipal de Educação de Jovens e Adultos) e 49 CEMEIs (Centros Municipais de Educação Infantil).

 

Alunos de 0 a 5 anos (Educação Infantil): 6.910

Alunos a partir de 6 anos (ensino fundamental 1 ): 9.342

Alunos do 6º ao 9º ano: 818

Alunos na educação especial: 497

Alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA): 634

 

Por meio das entidades conveniadas com a Prefeitura, as chamadas creches filantrópicas, outras 1.120 crianças estavam sendo atendidas antes da pandemia.

Já no contra turno escolar, na chamada Recreação, 938 crianças estavam sendo atendidas em projetos como do CEMEAR (Centro Municipal de Extensão e Atividades Recreativas) do Jardim Gonzaga. Também estavam sendo transportados pelo município 1.168 alunos.

 

TOTAL: 20 mil (entre rede e filantrópicas atendidas)

 

Professores: 1.293

Agentes Educacionais: 85

Merendeiras: 208

Equipe Gestora: 87

Auxiliares administrativos: 15

Terceirizados/limpeza: 186

Outras categorias: 20

Total de servidores: 1894

* 266 servidores tem mais de 60 anos

 

Pesquisa não quer retorno das aulas sem segurança

Após uma pesquisa interna realizada com os professores e pais de alunos da rede municipal de ensino 93% não se sente seguro no retorno de aulas presenciais.

O maior número de alunos da rede municipal de ensino está na educação infantil. O maior público está na faixa etária de 0 a 6 anos, são mais de 12 mil crianças (6.910 até 5 anos e 9.342 com 6 anos ou mais).

Contando professores, diretores, agentes educacionais, servidores administrativos das escolas, merendeiras, funcionários da limpeza, da segurança e do transporte, seja oficial do município, bem como das vans escolares, estamos falando de cerca de 50 mil pessoas envolvidas no processo educacional da rede.

 

Cartão Merenda – 15. 383 mil alunos cadastrados estão recebendo. O valor creditado mensalmente é de R$ 50,00 por aluno. O investimento de R$ 770 mil mensalmente. 849 alunos não se cadastraram.

 

Matrículas – Ainda não está definida a data para as matrículas para novos alunos. Município e Estado fazem no mesmo período, porém esse ano a data ainda está em aberto. Todos os alunos matriculados em 2020, automaticamente já estão rematriculados para 2021.

Solicitação Vagas – A Central de Vagas já registrou 85 pedidos para educação infantil e 44 para o ensino fundamental da rede particular para 2021.

Vagas – O déficit de vagas hoje na Rede Municipal de Ensino é de 193 vagas de 0 a 3 anos. De 5 a 6 anos não temos déficit. No ensino fundamental o déficit é de 11 vagas.

Uniformes – A Prefeitura adquiriu uniformes para toda a rede, porém em virtude da pandemia não chegaram a ser distribuídos para os alunos. Um investimento de R$ 2,6 milhões.

Kits Escolares – Foram adquiridos R$ 2 milhões em kits para 15.600 alunos da rede municipal de ensino. Somente falta entregar 7.500 da pré-escola que serão entregues nos próximos dias.

Os kits contendo todos os materiais que devem ser usados na escola e em casa para estudar, como cadernos, estojo, canetas, lápis coloridos, borrachas, apontador, réguas, além de livros didáticos.