Alta de homem de 89 anos que venceu a COVID-19 na Santa Casa comove São Carlos

Nicola Colloca, 89 anos, com o filho Eduardo, antes de receber a alta do hospital – Foto: Assessoria Santa Casa

O aposentado Nicola Colloca, que completa 90 anos em agosto, recebeu alta da Santa Casa. Ele foi internado no dia 15/5 e ficou mais de 1 mês na UTI COVID. O filho, Eduardo Colloca, técnico em eletrônica, conta que levou o pai para o hospital porque achava que ele estava com infecção urinária. “Pelo menos uma vez por ano, ele reclama de dor no braço e falta de apetite. Mas dessa vez, depois que fizeram uma tomografia, decidiram interná-lo para fazer outros exames. Em seguida, veio o diagnóstico de COVID-19. Ele ficou 17 dias em coma e isolado. Neste momento, ficamos com medo de ele não resistir, mas tivemos muita fé. E graças a Deus e ao tratamento que foi muito bom, com todo carinho e atenção por parte dos profissionais de saúde, ele conseguiu superar a doença. A gente só tem que agradecer”, comentou Eduardo.

O infectologista e coordenador da UTI COVID da Santa Casa, Roberto Muniz Junior, conta que o aposentado teve uma insuficiência respiratória muito séria, precisou ser intubado e passou por vários procedimentos devido à gravidade da situação. “Mas depois de pouco mais de um mês recebendo todos os cuidados necessários, seu Nicola é o são-carlense mais idoso que venceu a doença e está voltando para casa”, informa o médico.

Desde o início da pandemia, 39 pacientes diagnosticados com COVID-19 receberam tratamento na Santa Casa. Destes, 27 tiveram alta e 9 faleceram. Isso quer dizer que quase 70% dos pacientes atendidos pelo hospital foram curados.

“Isso mostra o nível da Santa Casa de São Carlos e da equipe de profissionais do hospital, todos altamente capacitados e qualificados para o cuidado dos pacientes vítimas da pandemia da COVID-19. E para nós, é uma alegria muito grande poder entregar esse certificado para o seu Nicola, o paciente mais idoso e um dos mais graves que nós atendemos. Isso traz uma injeção de ânimo a toda equipe da Santa Casa, que não mede esforços para vencer essa batalha contra o Coronavírus”, afirma o provedor da Santa Casa, Antonio Valério Morillas Júnior.

 

CERTIFICADO DE ALTA

Certificado entregue a partir de agora pela Santa Casa aos pacientes que recebem alta – Foto: Divulgação

Para valorizar histórias de superação como essa, a Santa Casa preparou várias ações. Uma delas é a entrega do Certificado de Alta. “A ideia é celebrar a vida de cada um desses pacientes que estão vencendo a COVID-19. E valorizar o esforço dos profissionais de saúde e de toda a equipe da Santa Casa que têm se desdobrado para salvar essas vidas”, explica a infectologista e coordenadora do Serviço de Controle de Infecção Relacionada à Assistência em Saúde (SCIRAS) da Santa Casa, Carolina Toniolo Zenatti.

Para o Eduardo, filho do seu Nicola, a homenagem é importante para comemorar a superação dos pacientes, mas também para lembrar que ainda estamos no meio de uma batalha contra a COVID-19. “Muita gente ainda não acredita na doença, nas mortes que ela pode provocar. Só vai se dar conta quando alguém da família passar por isso. Eu, que vivi as dores dessa doença de perto, peço para todo mundo se cuidar e cuidar do próximo. Porque não dá nem para explicar o tamanho da dor de ver alguém tão querido nessa situação”, conta Eduardo.