Após reunião com Doria, Ferraz adverte: “as duas piores semanas da COVID estão por vir!”

Airton e Ferraz estiveram em reunião com Doria

No dia de ontem, 2, o prefeito Airton Garcia e o vice-prefeito Edson Ferraz, acompanhados do secretário de Saúde, Marcos Palermo, participaram de uma reunião com o governador João Doria onde foram apresentadas perspectivas alarmantes para a pandemia de COVID-19 em SP. “O prefeito Airton García, Marcos Palermo secretário de saúde e eu, participamos de uma videoconferência com 618 prefeitos e prefeitas com a coordenação do governador João Doria para debater novas ações conjuntas de enfrentamento ao coronavírus. O aumento da intensidade da pandemia levou o Governo de São Paulo e as prefeituras a um alinhamento para a eventual aplicação de medidas mais restritivas em todos os 645 municípios do estado”, disse Ferraz.

Segundo ele, Doria pediu união aos gestores paulistas. “O Governador pediu união e mobilização diante de uma circunstância gravíssima que estamos vivendo. E reforçou que as duas piores semanas desde o início da pandemia estão por vir, e temos que estar preparados”, projetou.

Participaram também da reunião online além dos administradores de São Carlos, os secretários de Estado Marco Vinholi (Desenvolvimento Regional), Jean Gorinchteyn (Saúde) e Patrícia Ellen (Desenvolvimento Econômico) e os Coordenadores do Centro de Contingência, Paulo Menezes e João Gabbardo.

De acordo com Ferraz, o governador reforçou que a situação atual em SP é alarmante e que Estado e Prefeituras precisam de ações coordenadas para preservar vidas e reduzir a pressão sobre a capacidade hospitalar do SUS e também de hospitais privados.