Com a presença do governador, Airton inaugura duplicação da Praça Itália na terça-feira

Novo traçado

Depois de 15 anos, de várias administrações, de abertura de licitações, rescisões de contratos e até mesmo a rejeição do projeto inicial por parte do município em 2016, o prefeito Airton Garcia conseguiu a retomada do convênio com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) e nesta terça-feira (07/06/22) entrega à população de São Carlos a duplicação do pontilhão da praça Itália, um investimento de aproximadamente R$ 20 milhões.


A obra só traz benefícios para a cidade, primeiro na questão da mobilidade urbana, além de corrigir um problema antigo de drenagem na região. Um novo traçado da adutora do Feijão foi realizado, inclusive com a troca dos tubos que foram substituídos por metal com estrutura de ferro.


“Quando assumi em 2017 estava tudo parado. Em março do mesmo ano já fui para Brasília e solicitei ao DNIT a retomada do projeto, para isso tivemos que fazer a atualização orçamentária. No ano seguinte, eu e o Carneirinho, meu chefe de gabinete, voltamos a Brasília e conseguimos que a União publicasse no Diário Oficial o termo aditivo rerratificando o convênio de cooperação firmado entre DNIT e a Prefeitura para a execução das obras. Em outubro de 2018 recebi os técnicos do Departamento que vieram verificar se o projeto executivo de adequação estava de acordo com as normas técnicas exigidas. Graças a Deus tudo foi aprovado, porém como a empresa RUMO renovou o contrato de concessão da malha paulista, a obra que anteriormente seria concluída pelo DNIT, passou a fazer parte da outorga onerosa da concessionária. Ano passado assinei a autorização para que a RUMO realizasse as obras civis e de infraestrutura urbana para a duplicação do viaduto da Praça Itália”, ressaltou o prefeito de São Carlos, Airton Garcia.


A obra começou em outubro de 2021 pela empresa RUMO e partir da próxima terça-feira (07/06) a Praça Itália passará operar com 4 pistas. O investimento da empresa RUMO para fazer a duplicação da passagem inferior da Praça Itália foi de R$ 19,8 milhões, entre obra viária e drenagem. O investimento do município foi somente de R$ 535 mil para recapeamento das rotatórias.