Contra coronavírus, Cabreúva vai multar idoso encontrado fora de casa

Idosos poderão ser multados

A prefeitura de Cabreúva, no interior paulista, vai multar a partir de hoje (30) idosos que estejam na rua sem justificativa. O decreto municipal determina que as pessoas com 60 anos ou mais devem obrigatoriamente ficar recolhidas em casa como medida para evitar o contágio por coronavírus.

Pelo texto, os idosos podem sair de casa para receber atendimento médico, realizar exames, serem vacinados ou fazer compras no comércio, especialmente de alimentos.

A norma diz que as autoridades públicas podem abordar idosos nas ruas e pedir justificativa sobre o motivo de a pessoa não estar recolhida. Caso o destino não se enquadre no previsto no decreto, a pessoa poderá ser acompanhada até a residência.

Há ainda uma multa de R$ 200 para aqueles que forem pegos mais de uma vez desobedecendo o recolhimento obrigatório.

Cabreúva antecipou para início amanhã (1º) as férias escolares da rede municipal de ensino. Além disso, a prefeitura determinou o fechamento do comércio não essencial no último dia 20. Até a última sexta-feira (27), segundo a prefeitura, a cidade tinha 17 notificações de covid-19, sendo dois casos negativos e 15 aguardando resultado.

*matéria alterada às 15h07 do dia 31/03/2020. O texto informava que o município de Cabreúva (SP) registrava 17 casos de covid-19. Até o momento, a cidada não contabiliza registro doença, mas sim 17 notificações, sendo DUAS casos já descartados e QUINZE ainda sem resultado. 

Por Daniel Mello – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro

Foto: Marcelo Camargo- Ag. Brasil