Coronavírus: Decreto de Airton proíbe celebrações religiosas

Prefeito quer evitar grande aglomerações

O decreto 140 publicado no dia de ontem, 20, pela Prefeitura de São Carlos proíbe diversas atividades em São Carlos, dentre elas estão as religiosas que independente da denominação atraem um grande público e com isso formam aglomerações de pessoas, tudo o que não se quer neste momento de propagação do Coronavírus pelo planeta.

Confira o que diz o artigo 1:  “Art. 1º O fechamento dos estabelecimentos, conforme especificado abaixo:

§ 1º o fechamento imediato do comércio em geral, de serviços de alimentação de consumo no interior do local, restaurantes, lanchonetes; bares; academias; cinemas; clubes de lazer; casas de festas e eventos; boates; buffet em geral e shoppings centers, cultos e celebrações religiosas e, congêneres; pelo prazo de 20 de março a 30 de abril de 2020.

A publicação também veda aglomerações de pessoas em locais públicos como mostra o § 2º: “a vedação de atividades que estimulem a circulação e aglomeração de pessoas inclusive em áreas públicas, como parques; praças e demais aparelhos públicos”.