Em 2021, São Carlos registrou 76 casos de AIDS

Todos podem fazer os chamados testes rápidos de HIV/AIDS no CAIC, Santa Casa e nas unidades de saúde

O Centro de Atendimento a Infecções Crônicas da Prefeitura de São Carlos “Ana Cláudia Lucato Cianflone” (CAIC) realiza a partir desta quarta-feira (01/12), Dia Mundial da Luta Contra a Aids, como parte da programação da 14ª edição da Campanha Fique Sabendo, testes rápidos de HIV/AIDS.


O CAIC São Carlos é um centro municipal de atendimento a doenças e agravos de notificação compulsória e tratamento contínuo e trabalha em consonância com os programas nacionais e estaduais realizando a busca ativa, prestando assistência e divulgando indicadores que permitem a formulação de políticas e programas voltados ao diagnóstico precoce e tratamento imediato às pessoas portadoras de HIV, Sífilis, Hepatites Virais B, E e C, Tuberculose e Hanseníase.


A Fique Sabendo visa levar os testes de HIV/AIDS a mais pessoas, com garantia de sigilo, confiança, qualidade no processo diagnóstico, vinculação à referência e acesso oportuno ao tratamento.


Os testes poderão ser realizados de 1º a 7 de dezembro das 8h às 15h, no CAIC, no dia 6/12 na Santa Casa, na rua Paulino Botelho de Abreu Sampaio (entrada pelo Pronto-Socorro), das 9h às 14h; no dia 7/12 a equipe do CAIC estará na Unidade Básica de Saúde (UBS) do Maria Stella Fagá, na avenida João de Lourenço, das 9h às 14h. As demais unidades saúde também realizam os testes durante o seu horário de atendimento ao público.


De acordo com Cíntia Martins Ruggiero enfermeira coordenadora do Programa Municipal IST/AIDS, a ação faz parte do programa estadual para a intensificação da testagem junto às populações mais expostas às infecções sexualmente transmissíveis. “As pessoas precisam ter consciência das várias maneiras de prevenção, como a testagem, o preservativo e a profilaxia. O importante é ter um método de prevenção adequado, usado de forma correta e de uso contínuo”, ressalta a enfermeira.


Em São Carlos 1.000 pessoas estão em tratamento de HIV no Centro de Atendimento a Infecções Crônicas. Em 2020 foram registrados 79 novos casos. Em 2021 já foram registrados mais 76 casos.


Embora a campanha ocorra no mês de dezembro, a Prefeitura de São Carlos oferta testes gratuitos o ano todo. A unidade faz testes rápidos tanto de HIV como para Sífilis, Hepatite B e C e funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 17 na avenida São Carlos, nº 3.392, no Tijuco Preto. Outras informações sobre os testes podem obtidas pelo telefone (16) 3419-8240.

HIV – O vírus pode ser transmitido ou adquirido através da relação sexual desprotegida, ou por meio do contato com mucosas ou área ferida do corpo, além do compartilhamento de seringas e agulhas. Também pode ocorrer transmissão congênita, ou seja, quando as crianças já nascem portadoras do vírus. Nem toda a pessoa que se infecta pelo HIV tem Aids (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida). Isto porque algumas pessoas podem não desenvolver sintomas mesmo após a infecção e neste caso, passam a viver com o vírus. A Aids é o estágio mais avançado da infecção pelo HIV e surge quando o organismo apresenta baixa imunidade, facilitando o aparecimento de outras infecções oportunistas. O primeiro caso da doença ocorreu em SP em 1980.