Em aproximadamente uma semana poderão faltar UTIs no estado de São Paulo, diz pesquisador da USP

Situação preocupa/ foto Governo da China

Em aproximadamente uma semana poderão faltar UTIs no estado de São Paulo, se forem confirmadas as tendências de proliferação do novo coronavírus no país.

O docente e pesquisador do IFSC/USP, Prof. Luiz Vitor de Souza, analisa, em vídeo, a evolução do novo coronavirus no Brasil e, particularmente, no estado de São Paulo, tomando em consideração as curvas de incidência do vírus no nosso país, comparadas com as da Coreia do Sul e Itália.

Embora os resultados da fraquíssima quarentena registrada no Brasil tenha reduzido a velocidade da propagação da COVID-19, é quase certo, segundo o pesquisador do IFSC/USP, que essa medida não está sendo suficiente para evitar a falta de leitos de UTIs no país, provocando um inevitável colapso do sistema de saúde.

 

 

Veja o vídeo:

 

 

Rui Sintra – Assessoria de Comunicação – IFSC/USP