Escolas Municipais retomam aulas em São Carlos

A rede municipal de ensino iniciou o segundo semestre letivo de 2022 no último dia 21 de julho. A Secretaria Municipal de Educação (SME) realizou no dia 20 de julho a reunião de planejamento para as Unidades Escolares. Segundo dados da SME retornaram às aulas mais de 18 mil estudantes.


Após o recesso do meio do ano para professores e alunos, as 61 escolas da rede retornaram para as atividades pedagógicas. No período de recesso, apenas o expediente essencial das Unidades Escolares foi mantido.


A rede municipal de ensino está formada por 50 Centros Municipais de Educação Infantil (CEMEIs), dez Escolas Municipais de Educação Básica (EMEBs) e a EMEJA “Austero Manjerona” e seus polos.


O ano letivo de 2022 foi o primeiro totalmente em modo presencial após a pandemia da COVID-19. Diante dos desafios que foram superados no auge da doença em 2020 e 2021, o objetivo da Educação Infantil continua a ser um acompanhamento mais próximo às crianças com relação ao seu desenvolvimento. No Ensino Fundamental, três eixos seguem para o aprendizado dos estudantes: a questão da alfabetização, a questão da produção textual e a questão do raciocínio lógico.


A Secretaria Municipal de Educação também iniciou neste segundo semestre as tratativas administrativas para instituir o Programa Dinheiro Direto na Escola Municipal (PDDE-M), que foi criado pela Lei nº 19.924/2020, e regulamentado pela Prefeitura de São Carlos por meio do Decreto nº 219/2022.


O PDDE-M irá transferir recursos suplementares para as escolas municipais por meio da Associação de Pais e Mestres (APM) de cada Unidade Escolar. Os diretores das escolas poderão utilizar junto com a APM o recurso para melhorar pequenas demandas de infraestrutura física e pedagógica. Para receber o recurso, a escola terá que solicitar à SME a adesão ao PDDE-M, sendo que muitas já deram andamento às documentações.