Estado mobiliza 20 mil policiais para fiscalização de praias e estradas durante o feriado

Forças mobilizadas/Maurício Duch

O Governador João Doria anunciou nesta sexta-feira (4) a mobilização de 20 mil policiais para a Operação Independência. Ao longo de todo o feriado prolongado, ações integradas entre as forças de segurança e a Secretaria de Logística e Transportes vão garantir apoio a municípios do litoral e interior na fiscalização de medidas sanitárias contra o coronavírus e patrulhamento de rodovias.

 

“Peço que todos tenham cuidado e zelo ao saírem de suas casas. Cada município tem o direito de estabelecer os seus limites para parques, praças, praias e calçadões. O Governo de São Paulo apoiará aqueles que solicitaram formalmente o apoio da PM no sentido de proteger a vida de seus cidadãos”, declarou Doria. “Por favor, tenham cuidado. Aglomerações colocam em risco a sua vida e as de outras pessoas. Usem máscara, sigam o exemplo correto e façam o distanciamento social de um metro e meio”, acrescentou.

 

A Operação Independência teve início na madrugada desta sexta e se estende até o final da noite de segunda (7). Em Santos, as ações vão se prolongar até terça (8) devido ao feriado municipal em celebração a Nossa Senhora do Monte Serrat, padroeira do município.

 

Além da atuação dos 20 mil policiais, as ações do Estado durante o feriado prolongado vão envolver o uso diário de 7,2 mil viaturas, 880 motocicletas, 35 montarias, 11 helicópteros Águia da PM e oito drones para monitoramento de pontos estratégicos nas rodovias e também nas áreas urbanas.

 

“Desde o início da pandemia, o trabalho da Segurança Pública foi potencializado. Neste feriado, estamos focados em apoiar e contribuir com os agentes municipais no combate e fiscalização à pandemia”, afirmou o Secretário de Segurança Pública, General João Camilo Pires de Campos. “Estamos contribuindo para poupar vidas. A missão dos policiais é apoiar agentes municipais de saúde e segurança”, reforçou.

 

A fiscalização de tráfego vai se concentrar em testes de bafômetro e verificação do uso obrigatório de cinto de segurança, assentos infantis e capacetes. Por dia, a previsão é de 160 pontos de fiscalização nas estradas e 1,5 mil em áreas urbanas.

 

No litoral, a PM fará patrulhamento ostensivo em áreas de orla ou que concentram quiosques, bares e restaurantes. Haverá uso de megafones para divulgação de mensagens de conscientização e prevenção ao coronavírus e também apoio a equipes locais de Vigilância Sanitária e Guarda Civil.

 

Por parte da Secretaria de Logística e Transportes, Artesp e concessionárias, as ações envolvem mensagens informativas via redes sociais e painéis rodoviários; fiscalização, socorro mecânico, guincho e ambulância; e monitoramento 24 horas nos CCOs (Centros de Controle Operacional). Nas praças de pedágio, haverá oferta de álcool em gel nas cabines, além da distribuição de 40 mil máscaras nos sistemas Anchieta-Imigrantes e Ayrton Senna-Carvalho Pinto.