Força, Edson Ferraz!

Edson Ferraz é vice-prefeito de São Carlos

Eram 6h30 do dia 21 de outubro quando recebi uma mensagem no WhatsApp. “Você está na sua casa?” Eu dei risada e falei: “São 6h30 da manhã, onde mais eu estaria?!” Quem mandou a mensagem foi o Edson Ferraz. Quando deu 7h30 ele encostou o carro em frente de casa e veio me dar parabéns, falar do meu trabalho e contar as perspectivas para a eleição, estávamos no período pré-eleitoral e uma frase que ele disse me marcou bastante: “Vou ser um vice-prefeito ativo e não decorativo!”

De fato, Edson Ferraz vem cumprindo seu papel. Ele é um vice-prefeito ativo perante à comunidade, participa de decisões, de reuniões, mantém conversas com grupos, pois há anos já fazia isso antes mesmo de ter algum cargo eletivo e agora “estando vice-prefeito”, seu trabalho continua o mesmo.

O Edson é um cara legal, gentil, bem humorado, toda a vez que encontra comigo sempre diz a mesma frase: “Você tem ferramenta para acabar esta tarefa aí que você está fazendo?” Isso é uma referência à uma brincadeira antiga que eu, ele e o Carlinhos Oliveira sempre fazíamos. Quando ele fala isso, a gente sempre cai na risada.

Pois bem, o Edson, esse cara bacana, amigo de um monte de gente, está na maior luta de sua vida, brigando contra esse mal do século que é a COVID-19. Hoje, sua página oficial trouxe a nota de que para propiciar um melhor desenvolvimento à sua terapia de tratamento ele seria intubado, algo que deixou todo mundo triste, apreensivo, mas também esperançoso de que ele saia dessa o mais rápido possível e que volte para o convívio de sua família e também para o seu atual trabalho que é ser o vice-prefeito de São Carlos.

A questão aqui extrapola a política, vai muito mais além, o desejo é de que todos os que estão sofrendo com esse vírus se recuperem, esperamos ter o Edson, que é muito conhecido em São Carlos de volta, mas também queremos que todas as pessoas acometidas por essa doença e por qualquer outra possam voltar para as suas casas o mais rápido possível.

O mundo está triste, desesperançado, parece que a alegria de viver nos foi tirada, o Brasil passa por um momento delicado e gente animada como o Edson Ferraz nos dá a perspectiva de termos dias melhores em breve.

Não dá para dimensionar o que está sofrendo a sua família neste momento tão complicado, mas é possível que coloquemos o nome do Edson em nossas orações, assim como possamos pedir por quem está precisando.

Como disse em um artigo no dia de ontem: é preciso se importar com o outro, o mundo precisa de gente que se importe. Cuidar do outro nunca é demais. Fique bem, Edson. Estamos torcendo por você!

Renato Chimirri