Frequência de buzinaço de trens incomoda moradores em São Carlos e Ibaté

Trilhos e barulho na cabeça dos moradores

Diversos internautas entraram em contato com o São Carlos em Rede desde a última sexta, 17, para reclamar da constância com que os trens tem tocado suas buzinas quando passam por São Carlos e Ibaté.

Segundo uma internauta que mora nas proximidades da linha, a frequência de passagem de composições ferroviárias na região aumentou e com isso os maquinistas quando passam nas imediações sentam o dedo na buzina. “Está insuportável, tocam por volta da uma hora, depois às 3 horas, agora tocaram entre 7 e 7h30, quem consegue dormir?”, questiona.

Ela diz que gostaria de saber porque a frequência de composições nessa região cresceu. “Ninguém explica nada, eles fazem o que bem entendem e essa linha férrea já deveria ter saído de dentro do perímetro urbano faz tempo, mas nenhum político faz nada, ficam todos escondidos, são incompetentes”, diz.

Em Ibaté, a situação é semelhante, pois os trens passam por lá antes de chegarem à São Carlos e muitas pessoas também estão reclamando da barulheira. “Antes era uma vez outra, agora é a madrugada toda”, conta uma internauta.

No governo do então prefeito Oswaldo Barba (PT) houve tratativas para se tentar retirar a linha do trem do perímetro urbano de São Carlos, porém com a saída de Barba da Prefeitura esse assunto não avançou.

 

Imagem de Ein Kaffee kostet mehr als € 0.55! por Pixabay