Há 18 anos, São Carlos se despedia de um dos seus maiores professores

Um grande professor

Por Cirilo Braga

Há 18 anos, São Carlos se despedia de um grande mestre e admirável intelectual, o professor Mário Tolentino, falecido aos 89 anos.

Pesquisador e administrador, docente na Escola Normal de São Carlos, Ginásio Diocesano La Salle, Escola Profissional Agrícola e Industrial de Espírito Santo do Pinhal, Instituto de Educação Dr. Álvaro Guião, Escola de Engenharia da Universidade de São Paulo, Universidade Federal de São Carlos, Colégio Anglo de São Carlos e Faculdade de Odontologia de Araraquara (UNESP). Tolentino exerceu cargos administrativos em diversas empresas e na UFSCar.

Integrou em 1941 a Comissão de Reforma do Ensino Técnico de Agricultura, junto ao Gabinete do Ministro da Educação Gustavo Capanema e foi vereador em São Carlos de 1960 a 1963.

No município, o professor dá nome ao Museu da Ciência, a uma praça localizada na Vila Marina (zona norte) e a um viaduto no km 228 da rodovia Washington Luís (SP-310).