Interior de SP recebe investimento de US$ 200 milhões e fábrica que gerará 1 mil empregos

InvestSP

Durante evento de lançamento de dispositivos móveis, neste dia 13 de março de 2019 em São Paulo, a joint venture Semicondutores Avançados do Brasil S.A., formada pela Qualcomm Technologies e a USI, anunciou que irá instalar sua fábrica de produção do Snapdragon SiP na cidade de Jaguariúna. O valor estimado de investimentos na unidade é de US$ 200 milhões ao longo de cinco anos. A expectativa é que a produção tenha início em 2020 e gere entre 800 e 1.000 empregos.

A InvestSP, Agência Paulista de Promoção de Investimentos e Competitividade, trabalha em conjunto com a Qualcomm desde 2016 prestando suporte à empresa nas áreas tributária, ambiental e de infraestrutura para viabilizar a construção da fábrica de semicondutores dentro do prazo previsto. A instalação da unidade em Jaguariúna é uma grande conquista e traz força para São Paulo na atração de empresas de tecnologia que utilizam os componentes que serão produzidos na unidade do interior paulista.

O governador João Doria enfatiza a importância do projeto para o Estado de São Paulo. “É bastante significativo poder abrigar no estado uma fábrica que irá produzir tecnologia de ponta. Trata-se de uma demonstração clara de que o governo está sintonizado com tendências globais e trabalhando para inserir o Brasil na cadeia de valor de semicondutores de alta densidade. Como todo grande empreendimento, será um polo de geração de emprego e renda, mas neste caso estamos falando da formação de mão-de-obra altamente especializada”, afirma. “É uma honra ter ao nosso lado empresas líderes em inovação como a Qualcomm e a USI, pois esta colaboração funciona como motor de desenvolvimento do país”, completa.

O prefeito de Jaguariúna, Gustavo Reis, acredita que o investimento irá auxiliar o município a atingir um maior patamar de desenvolvimento. “Jaguariúna está muito feliz e orgulhosa em receber uma empresa do tamanho e da importância da Qualcomm no mercado internacional. A vinda da empresa reforça ainda mais a vocação de Jaguariúna para o pleno desenvolvimento tecnológico e sua posição geográfica privilegiada para atrair e receber grandes investimentos, além, é claro, dos inúmeros benefícios e serviços públicos de excelência que oferece às empresas que aqui se instalam e o alto índice de qualidade de vida que dispõe e proporciona aos seus moradores”, declarou.

“O Snapdragon SiP é um produto importante para incluir o Brasil na cadeia global de semicondutores. A partir da criação da joint venture entre a Qualcomm e a USI, trabalharemos juntos de modo a permitir que o país crie empregos qualificados e promova a especialização de sua força de trabalho por meio da fábrica em Jaguariúna. Além dos smartphones, o Snapdragon SiP é projetado para equipar dispositivos IoT, contribuindo para o desenvolvimento dos negócios da Internet das Coisas no país “, afirma Rafael Steinhauser, vice-presidente sênior da Qualcomm Serviços de Telecomunicações Ltda. e presidente da Qualcomm América Latina.

Com o anúncio da Qualcomm, esse é o terceiro projeto de investimento, na área de semicondutores e apoiado pela InvestSP, que escolhe a região Metropolitana de Campinas para se estabelecer. As outras duas empresas que se instalaram na região são a SmartModular em Campinas e a ADATA em Santo Antonio da Posse.