Locomotiva Teatral retorna em janeiro com três espetáculos gratuitos protagonizados por mulheres

Dona Mariquinha Viu e Me Contou terá exibição ao vivo pelo Zoom

Projeto está de volta e traz na programação de janeiro montagens protagonizadas e dirigidas por mulheres artistas de São Carlos.

O Locomotiva Teatral, projeto de fomento e divulgação cultural de São Carlos, está de volta em janeiro. Neste mês, a programação trará espetáculos feitos por mulheres, a partir de terça (25). As montagens serão exibidas pelo Youtube da Teia-Casa de Criação e pelo aplicativo Zoom. Todas as ações serão online e gratuitas.

Desde 2020, o Locomotiva Teatral traz espetáculos de dança, teatro e oficinas gratuitas que conversam com o público e os grupos artísticos de São Carlos. Informações sobre o projeto podem ser encontradas no Instagram @teiacasadecriacao.

Confira a programação:

“Dona Mariquinha Viu e Me Contou – Experiência Espacial Poética”, com Cia Marília Carneiro

Terça, 25/01, às 19h e quarta, 28/01, às 19h

Um teatro virtual, uma bombonière, uma caixa branca com detalhe dourado, um cabelo cacheado. Duas que dançam, uma que joga.

Psiu, acorda! E a poesia cabe no espaço da palma da mão, no celular?

“Dona Mariquinha Viu e Me Contou – Experiência Espacial Poética”   tem como temas centrais espaço, movimento e sonhos. Para isso, a diretora e as bailarinas criaram diversas situações ao longo da obra coreográfica para mexer com as sensações de espaço e tempo das pessoas, friccionando dança e audiovisual.

Exibição ao vivo pelo aplicativo Zoom

Retire seu ingresso gratuito pelo site do Sympla, ou clique aqui

Duração: 60 minutos

Classificação Indicativa: 14 anos

“O Conflito de Doris”, com Tamiris Perussi

Domingo, 30/01, às 19h

A história conta a vida da personagem Doris, que vive em conflito consigo mesma, na busca de encontrar-se com seu eu interior. A montagem é inspirada no poema “Se Eu Fosse Eu”, de Clarice Lispector. O trabalho da escritora sustenta a reflexão dentro da narrativa.

Exibição pelo Youtube da Teia Casa de Criação Duração: 20 minutos

Classificação indicativa: 14 anos

“Meraki” – Alquimia Teatral

Segunda, 31/01, às 20h

“Meraki nos lembra de tudo que é feito com a alma”. Neste ensaio cênico performático, as artistas trazem pautas do movimento feminista para falar sobre o sensível, sobre o afeto, sobre as entranhas e sobre a revolta. Meraki é sobre a reconexão da mulher com suas com as mais puras expressões.

Meraki lembra a raiz, o pulso e a força feminina. Meraki é a potência de vida permeada pelo encontro sagrado entre corpo, rito, memória e jogo.

Exibição pelo Youtube da Teia Casa de Criação Duração: 25 minutos

Classificação Indicativa: 16 anos