Lucão Fernandes afirma que Câmara não está contra motoristas de vans de São Carlos

Lucão é presidente da Câmara

 O presidente da Câmara Municipal de São Carlos, vereador Lucão Fernandes, utilizou a tribuna durante a sessão ordinária desta terça-feira, 17, para manifestar a sua preocupação na resolução definitiva do Caso das Vans, na cidade.

Lucão iniciou sua fala deixando claro que existe dentro do Poder Legislativo, as Comissões Permanentes, onde os projetos e assuntos são tramitados com objetivo de se verificar a sua constitucionalidade. “Todos os processos que entram nessa Casa de Leis, passam por essas comissões temáticas, onde são exarados os pareceres para depois vir ao plenário onde os vereadores discutem e votam”, explicou.

O parlamentar enfatizou que o PL das Vans, que chegou na última sexta-feira, 13, também seguirá o mesmo rito. “Porém, preocupado com o que aconteceu no primeiro projeto que veio a esta Casa, a gente convidou toda a imprensa e os representantes dos motoristas de vans, para que pudéssemos dar total transparência ao assunto”, comentou lembrando que, ainda durante a coletiva, abriu a oportunidade da imprensa e da Coopervansc acompanharem, de perto, toda a tramitação nas comissões.

O presidente do Legislativo também explicou o motivo de ter indicado aos vereadores das Comissões, para que evitassem fazer qualquer tipo de emenda. “O meu desejo ao fazer isso, foi única e exclusivamente evitar que o projeto sofresse alterações na Câmara, uma vez que, os representantes dos motoristas já haviam discutido com o Poder Executivo sobre esse assunto, antes de enviar para essa Câmara. Apenas isso”, contou.

Lucão relatou sobre o volume de projetos que são tramitados no Poder Legislativo e que os vereadores tem realizado um trabalho incansável, buscando sempre a melhoria de vida da sociedade são-carlense. “Infelizmente, o ser humano é passível de erro. Erramos no primeiro projeto, mas não podemos deixar de reconhecer o trabalho que esta Casa de Leis tem realizado em prol da cidade de São Carlos”, lembra.

Sobre a resolução do assunto, o parlamentar ressaltou que continuará lutando para que essa situação seja resolvida. “Esses motoristas transportam o que temos de mais precioso nas nossas vidas, que são nossos filhos e netos. Aliás, eles realizam um importante e respeitável trabalho. Em momento algum, a Câmara Municipal está contra esses profissionais. Se a gente errou, estamos tentando corrigir esse erro e vamos corrigi-lo”, afirmou.

Ainda durante a sessão, ficou acertado que uma comissão de representantes dos motoristas de vans, participarão de uma reunião na próxima segunda-feira, 23, onde deverão se reunir as três comissões que deverão analisar o referido projeto de lei. “É isso que queremos. Contar com a participação de todos os interessados nesse assunto para definirmos, em conjunto, o melhor para todos”, finalizou Lucão Fernandes.