Marcio Iroldi, o maior Bombeiro de São Carlos, vai se aposentar

Bombeiro até o fim!

Pensa em um cara gente boa! Pensou? Então, agora multiplica por mil e você chegará no Marcio Iroldi. Ele é assim, gente boa, gente fina, educado, gentil e sempre com um sorriso no rosto, mesmo que o mundo possa estar caindo em sua cabeça. Marcio é daquelas pessoas que valem ouro, pois tem orgulho de representar sua comunidade, no caso, a cidade de São Carlos. Ao longo de todos os seus muitos anos de carreira foram salvamentos, incêndios e outras ocorrências que lhe apareceram, porém ele nunca as negou, ao contrário, sempre encarou, suportou, enfim, viveu!

Marcio Iroldi é aquele cidadão que nasceu com o sangue vermelho, porque vermelho é a cor do carro do Corpo de Bombeiros, quando aquela sirene toca, seus olhos brilham de vontade de ajudar o próximo, de servir, de ser a prontidão necessária, o primeiro bálsamos a confortar alguém, seja uma pessoa ou animalzinho que necessita de um resgate. Para Marcio, o que sempre valeu é a vida, ele se compadece com o sofrimento humano e isso é fundamental para a atividade que exerceu por anos a fio com a competência que lhe é peculiar.

Contudo, não dá para dizer que Marcio Iroldi é só um Bombeiro, ele é um homem, um pai, um marido amoroso, uma pessoa que procura conservar valores bondosos e isso acaba sendo aplicado em sua profissão, conheço muitas pessoas que foram resgatadas por ele e que sempre relataram a mesma coisa: ele é cuidadoso, gentil e dá força para quem precisa.

Se todos os Bombeiros deste planeta fossem um Marcio Iroldi praticamente estaríamos salvos, afinal de contas o cara tem um dom que é divino, afinal essa profissão é uma vocação que não nasce em qualquer um.

Saber que o Marcio Iroldi se aposentará dá um aperto no coração de quem entende o que é o Corpo de Bombeiros, afinal será uma grande perda para a cidade de São Carlos, é como se um herói pendurasse sua capa, é Metrópoles sem o Superman ou Gotham City sem o Batman, apenas para fazer uma alusão aos tradicionais heróis dos quadrinhos e que tanto sucesso fazem nos dias hoje.

É fundamental apenas que desejemos ao Marcio Iroldi e sua família muita luz, inspiração e bênçãos, afinal de contas, os afortunados em ganhar sua proteção por anos fomos nós que hoje só temos uma expressão para lhe dizer: Muito obrigado e não se esqueça da gente!

Marcio para no próximo dia 13.

Renato Chimirri