Marginal: Se a Prefeitura contratar um castor será que resolve o problema?

Um castor talvez resolvesse a parada!

Um trágico incêndio atingiu recentemente um bambuzal e parte da vegetação às margens da avenida Francisco Pereira Lopes em São Carlos. A queimada além de prejudicar o ar, foi nociva ao ecossistema, pois ali vivem animais e também a população. Contudo, após o fogo ser extinto, o resto do bambuzal queimado está caindo no córrego e todos sabemos que ao menor sinal de chuva a rotatória do Cristo e a esta região são inundadas.

Como estamos num período extremamente seco, não seria de bom grado que a Prefeitura retirasse esses galhos queimados deste local e os impedisse de tapar a passagem da água numa área que justamente é um gargalo de enchentes?

Um munícipe que passava pelo local já soltou a seguinte pérola: “A Prefeitura contratará um castor para construir um dique no córrego?”

Como todos dizem: perguntar não ofende, não é?