Matrículas de 2021 para a Rede Municipal de São Carlos serão feitas pela internet

Escola está em funcionamento

A Secretaria Municipal de Educação informa que a partir do dia 12 de novembro têm início as inscrições, somente via internet, para alunos que ainda não frequentam a rede municipal de ensino e que pretendem estudar nos Centros Municipais de Educação Infantil (CEMEIS). Já para ingressar em uma das Escolas Municipais de Educação Básica (EMEBS) as inscrições poderão ser feitas somente a partir 05 de janeiro de 2021.


As inscrições poderão ser feitas via WhatsApp (somente mensagens) pelos telefones (16) 99242-2956, 99464-6974, 99416-4790, 99413-6199, pelo e-mail centraldevagassmesc@gmail.com ou pelo formulário https://forms.gle/Z5JfQ1KZPMntocwr9 tanto para a educação infantil (CEMEIS) como para o ensino fundamental (EMEBS).


Para a educação infantil, faixa etária de 0 a 5 anos, 653 novos alunos pleiteiam vagas para 2021, porém o município possui 1.363 vagas disponíveis nos 49 Centros Municipais de Educação Infantil (CEMEIS), ou seja, um superávit neste momento de 710 vagas na educação infantil.


Já para as Escolas Municipais de Educação Básica (EMEBS), que atendem crianças e jovens na faixa etária de 6 a 14 anos no ensino fundamental, o município registra 32 novos pedidos de vagas para 2021 e 624 pedidos de transferência de escolas, portanto ainda possui vagas disponíveis no sistema já que o ensino fundamental é compartilhado com as escolas do Governo do Estado.

REMATRÍCULAS – Para os alunos que já estão na rede municipal de ensino, a rematrícula será realizada automaticamente a partir desta quinta-feira, dia 22 de outubro, pela Secretaria Municipal de Educação.


As escolas farão o comunicado aos pais do resultado da rematrícula e o encaminhamento dos alunos da educação infantil, inclusive das creches filantrópicas, das Fases 3 e 4, que cursarão novas escolas em 2021. No dia 30 de novembro as escolas farão o comunicado aos pais do resultado do encaminhamento também dos alunos da pré-escola, do 5º anos e dos 9º anos.
“Todo esse processo é para facilitar e evitar o deslocamento das famílias, evitar aglomerações e assim diminuir o risco de contaminação do novo coronavírus. Pela primeira vez as matrículas serão feitas de maneira totalmente online”, afirma a secretária de Educação, Cilmara Seneme Ruy.


A Secretaria Municipal de Educação informa que ainda não há definição sobre a data de início das aulas presenciais em 2021.