Moradora recebe carta com ameaça de envenenamento de suas cachorras no Paulistano

A carta recebida pela jovem

Uma jovem moradora do Jardim Paulistano procurou a reportagem do São Carlos em Rede no dia de ontem, 28, para denunciar: recebeu uma carta com a ameaça de envenenamento de suas cachorras. Ela já fez um boletim de ocorrência sobre o caso.

A moça explicou que não vê nenhum motivo para ato tão cruel e que a carta estava dobrada e colocada em sua casa e que por sorte uma de suas cachorras não a rasgou.

A reportagem a questionou a tutora se os animais haviam mordido alguém ou se causaram algum problema para a vizinhança e a resposta foi negativa. “Elas latem bastante, se tiver alguém passando na rua ou parado perto de casa, ficam latindo até a pessoa ir embora. Só vejo esse motivo. Elas são bravas na questão de latir, mas nunca morderam ninguém, inclusive a mais nova gosta de fazer amizade com pessoas que nem eu conheço, por isso fiquei com mais medo na questão do veneno”, afirmou.

Segundo a denunciante, as cachorras estão em sua casa por motivos familiares. “Elas moravam com minha mãe, mas como ela teve que mudar para um outro local, vieram pra cá vai fazer 2 meses”, ressaltou.

Ela explicou que não ocorreram reclamações sobre suas cachorras. “Ninguém veio reclamar delas ou algo do tipo, por isso achei bem estranho. A carta estava em um envelope, mas quando encontrei minha cachorra já estava rasgando. Até agora não consegui as imagens de ninguém, mas ainda estou perguntando nas casas onde tem câmera. Desde então, não recebi mais nada, mas estou mantendo as cachorras dentro de casa por segurança”, finalizou.