Pesquisa da UFSCar investiga experiências de isolamento social durante a pandemia do Coronavírus

Intuito é compreender arranjos domésticos, sentimentos vividos, estratégias e privações na quarentena

 

O grupo de pesquisa “Reviravoltas do Simbólico”, vinculado ao Departamento de Ciências Sociais (DCSo) da  Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), busca pessoas voluntárias para participar da pesquisa “Está difícil ficar em casa?”, que visa coletar informações sobre as experiências de isolamento social durante a pandemia do novo Coronavírus.
O intuito do estudo – coordenado por Lidiane Soares Rodrigues, docente do DCSo – é investigar os arranjos domésticos, os sentimentos vividos neste período, as estratégias diante das privações e o nível de satisfação com as substituições possíveis via tecnologias digitais e o mundo virtual.

As pessoas interessadas devem participar por meio do preenchimento deste formulário online (https://bit.ly/2YFncJI). O tempo estimado de resposta é entre 15 e 20 minutos e o anonimato é assegurado. Com a participação, os voluntários contribuirão para o entendimento sociológico de sofrimentos neste período de pandemia e, posteriormente, os resultados serão divulgados. Mais informações estão disponíveis no formulário (https://bit.ly/2YFncJI) e dúvidas podem ser esclarecidas pelo e-mail lsr@ufscar.br.