Pessoas formam fila na madrugada para a vacinação contra a COVID em São Carlos

Fila no Fagá

Unidades do Santa Felícia e da Vila São José vão atender das 13h às 19h com a distribuição de 250 senhas. A distribuição de senhas nestas unidades começará a partir das 9h.

O Departamento de Vigilância em Saúde informa que recebeu mais doses da vacina Pfizer, portanto a partir desta quarta-feira (01/09) também já podem se vacinar jovens com 14 anos.

Todos os menores de idade, conforme determinação do Ministério da Saúde, devem estar acompanhados dos pais ou responsável que precisam levar o termo de assentimento preenchido e assinado e que está disponível no link http://coronavirus.saocarlos.sp.gov.br/wp-content/uploads/2020/03/TermoAssentimento-12a17anos.pdf.

A população chegou na madrugada para enfrentar a fila. Informações apuradas pela reportagem dão conta de que no Fagá, por exemplo, pessoas começaram a formar a fila perto das 4 horas da manhã com o objetivo de não ficarem sem as senhas e, por consequência, não conseguirem tomar a vacina. Outro local onde a fila para a vacinação começou cedo foi na Redenção, segundo o apurado, por volta das 5h15 as pessoas já estavam formando as filas para poder garantir lugar e assim conseguirem tomar a dose de vacina contra a COVID-19.

Continuação

Também continuarão sendo aplicadas a segunda dose dos imunizantes Astrazeneca e Coronavac.  As pessoas que devem tomar a segunda dose da ASTRAZENECA até 04/09 podem antecipar a imunização.

Confira os locais, horários e números de senhas que serão distribuídas:

9h às 15h – Nas Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) do Maria Stella Fagá, Redenção e Azulville, com distribuição de 150 senhas para a primeira dose e 150 senhas para a segunda dose. Nas Unidades de Saúde da Família (USF) do Arnon de Melo/Angelina, Cruzeiro do Sul, Zavaglia, CDHU, Jockey/Guanabara serão distribuídas 150 senhas para primeira dose e 100 senhas para segunda dose. As senhas nessas unidades são distribuídas somente a partir das 8h.

13h às 17h – UBS  do Cidade Aracy. Nesta unidade serão distribuídas 150 senhas para primeira dose 150 para a segunda dose.

13h às 19h – Nas UBS’s do Santa Felícia e São José com distribuição de 250 senhas de primeira dose por unidade e 150 para segunda dose. As senhas nestas unidades começarão a ser distribuídas a partir das 9h.

DRIVE-THRU – 9h às 13h – Postos volantes com sistema drive-thru da FESC, na Vila Nery e no Shopping Iguatemi permanecem aplicando a primeira dose somente para pessoas com 18 anos ou mais e segunda dose das vacinas Astrazeneca e Coronavac com distribuição de 400 senhas por drive, sendo 100 para primeira dose e 300 para segunda dose.

O atendimento no posto volante da Igreja Guadalupe no bairro Cidade Aracy, também das 9h às 13h, ocorre somente para pessoas com 18 anos ou para as que já podem tomar a segunda dose. Para essa unidade estão disponíveis 150 senhas para a primeira dose e 100 senhas para a segunda dose.

Gestantes e puérperas com ou sem comorbidades podem receber a vacina nas unidades fixas ou nos postos volantes.

“Na verdade, nesta semana, temos muito mais pessoas que precisam receber a segunda dose do que jovens a partir de 14 anos que devem receber a primeira dose, porém como percebemos uma procura maior nas unidades do Santa Felícia e da Vila São José, estendemos o horário e o número de senhas. Também como os jovens estão procurando esses locais pela manhã para pegar as senhas, resolvemos, somente nessas UBS’s, distribuir as senhas já a partir das 9h”, explica Crislaine Mestre, diretora de Vigilância em Saúde.

CADASTRO – Para fazer o cadastro basta acessar o www.vacinaja.sp.gov.br e preencher os dados. Todos também devem imprimir e preencher formulário de vacinação disponível no link http://coronavirus.saocarlos.sp.gov.br/VacinaJa. O comprovante de endereço é obrigatório. Os pais ou responsáveis devem levar assinado o termo de assentimento disponível no link http://coronavirus.saocarlos.sp.gov.br/wp-content/uploads/2020/03/TermoAssentimento-12a17anos.pdf.

Quem for receber a segunda dose basta levar documentos pessoais e a carteirinha de vacinação.