Polícia investiga suposta ameaça de ataque à escola em Ribeirão Preto

Escola tomou providências

A Polícia investiga um adolescente que mora em Sertãozinho por supostamente ter feito ameaças de cometer um atentado semelhante ao da escola Raul Brasil na semana passada em Suzano onde dez pessoas morreram, incluindo os dois atiradores.

A PM compareceu na madrugada desta segunda, 18, na casa do jovem de 16 anos que teria divulgado nas redes sociais que cometeria ato semelhante na ETEC José Martiminiano da Silva nos Campos Elíseos. Na sua casa a PM achou a caixa de um simulacro, roupas e touca camufladas, segundo o portal do Grupo Thati. Porém, o jovem foi indagado, e afirmou que tudo não passou de uma “brincadeira”.

O BO foi registrado pelo diretor da escola na Polícia Civil, após um professor notar num grupo de WhatsApp a fala do rapaz. O jovem, que é menor, está sendo investigado. Nesta manhã, as aulas da ETEC acontecem normalmente, mas uma viatura da polícia está na frente da unidade para garantir a segurança dos 2594 alunos.

Com informações do Grupo Thati