Prefeitura de Ibaté inicia segunda distribuição dos 4.337 kits de merenda escolar

Entrega em Ibaté

A Prefeitura de Ibaté, através da Secretaria Municipal de Educação, com
acompanhamento do CAE (Conselho de Alimentação Escolar), inicia  nesta
semana a segunda distribuição dos 4.337 kits de merenda escolar, aos
alunos das unidades escolares da rede municipal.

A medida está em acordo com a Lei n° 13.987/2020, de 07 de abril de
2020, que altera a Lei nº 11.947, de 16 de junho de 2009, autorizando,
em caráter excepcional, durante o período de suspensão das aulas em
razão de situação de emergência ou calamidade pública, a distribuição de
gêneros alimentícios adquiridos com recursos do Programa Nacional de
Alimentação Escolar (Pnae), aos pais ou responsáveis dos estudantes das
escolas públicas de educação básica; e Resolução FNDE n° 02 de
09/04/2020.

A Secretária da Educação, Fátima Heck Vaz, explica que a entrega dos
kits obedecem a um agendamento prévio nas unidades escolares com o
objetivo de evitar aglomerações. “A escola entra em contato com o pai
e/ou responsável para agendar um horário para a retirada. Pedimos que
evitem levar as crianças ou acompanhantes na hora da retirada desse kit,
evitando aglomerações”, pediu. “Não é preciso que os pais formem filas
na porta das escolas, pois isso contraria a orientação das autoridades
sanitárias. Cada unidade escolar fará o chamamento no dia e horário
conforme cronograma abaixo”, completou a Secretária.

18/06 – Berçário I e Pré I das 7h30 às 11h30
18/06 – Berçário II e Pré II das 12h30 às 16h30
19/06 – Maternal I e 1º ano das 7h30 às 11h30
19/06 – Maternal II e 2º ano das 12h30 às 16h30
22/06 – 3º ano das 7h30 às 11h30
22/06 – 4º ano das 12h30 às 16h30
23/06 – 5º ano das 7h30 às 11h30
23/06 – EJA das 12h30 às 16h30

Os kits são compostos por arroz, feijão, farinha de trigo, fubá, açúcar,
macarrão, sal, leite em pó, e óleo de soja.

O prefeito José Luiz Parella ressalta que essa medida ajuda muito na
alimentação das crianças. “Vivemos uma situação totalmente atípica. Com
o isolamento social, a gente não pode distribuir o alimento pronto para
as crianças, por isso, resolvemos ajudar na alimentação das nossas
crianças de alguma forma e esses kits foi uma medida eficiente.
Esperamos que os pais tenham responsabilidade e, realmente, preparem
essa alimentação aos alunos e todos os seus familiares”, finalizou.