Prefeitura fará reforma administrativa e quer criar Departamento para atrair empresas e investimentos para São Carlos

Panone esteve na Câmara

Durante a audiência pública sobre seu trabalho à frente da Secretaria de Planejamento e Gestão na tarde desta quarta, 24, o secretário Luís Antonio Panone disse que a Câmara Municipal deverá receber em breve um projeto de lei com uma espécie de reforma administrativa. “Será uma minirreforma estrutural, bem pequena, pontual, mas extremamente necessária neste momento”, afirmou.

Segundo Panone, a reforma será para “reforçar” as Secretarias de Cidadania, de Habitação e também para criar um Departamento vinculado à Secretaria de Planejamento em ações estratégicas e desenvolvimento econômico. “Não podemos mais assistir os investimentos passarem na porta de São Carlos e se dirigem à Ibaté ou Araraquara, temos que enfrentar essa questão de uma maneira séria”, ressaltou.

Panone explicou que nesta minirreforma será criada uma estrutura focada em geração de emprego e renda e desenvolvimento econômico. “Temos um pouco disso na Secretaria de Trabalho, Emprego e Renda, um pouco dentro da Secretaria de Ciência e Tecnologia, mas precisamos de uma consolidação, não adianta ficar um tanto em cada pasta, temos que ter foco”, esclareceu.

De acordo com o secretário, São Carlos precisa um articulador junto a CIESP/FIESP, de uma pessoa junto ao SEBRAE, de alguém junto ao Sistema S. “É necessário alguém que se dialogue diariamente com o ONOVOLAB, com as Embrapas, com as universidades, temos que compreender que se a iniciativa privada tem condições de criar essa estrutura, nós também precisamos fazer”, discursou.

Ele afirmou que a Prefeitura quer “melhorar o ambiente de negócios” em São Carlos.