Prefeitura instala gradil em praças na região do Terminal Rodoviário

GM realizou ação

A Prefeitura de São Carlos, por meio das secretarias de Segurança Pública, de Cidadania e Assistência Social e de Serviços Públicos, realizou uma operação especial na manhã desta segunda-feira (17/08), na região do Terminal Rodoviário. A Secretaria de Serviços Públicos, com instalação de gradil, cercou uma área pública na avenida Trabalhador São-Carlense, entre as ruas São Joaquim e Alexandrina. A operação foi realizada na tentativa de garantir espaços que não propiciem aglomeração como medida de prevenção a disseminação da COVID-19. Praças próximas à rodoviária também estavam no cronograma de ação, pois esses espaços têm sido utilizados pela população em situação de rua.

“Foi mais uma ação para fazer com que essas pessoas conheçam os serviços que o município oferece, como a Casa de Passagem e o Centro POP que atende somente a população em situação de rua”, explica Samir Gardini, secretário de Segurança Pública.
A Secretaria de Cidadania faz a abordagem social, que busca sensibilizar as pessoas em situação de rua a ir para os serviços de acolhimento de forma a garantir seus direitos e acesso aos cuidados pessoais, bem como acesso ao trabalho socioeducativo frente a essa situação. “Há duas semanas as pessoas que permanecem nessa região tem sido orientadas pela nossa equipe sobre a ação na região”, diz Glaziela Solfa Marques, secretária de Cidadania e Assistência.

“Algumas pessoas chegavam à rodoviária, vindas de outras cidades e já se juntavam a esses moradores que já estavam no canteiro, aumentando diariamente o número de gente e causando aglomeração”, disse Gardini.

Ainda de acordo com a secretaria de Cidadania e Assistência Social, Glaziela Solfa Marques, várias ações vem sendo desenvolvidas para ampliação dos atendimentos, mas realmente algumas pessoas não aceitam ir para os serviços de acolhimento. “A Prefeitura reformou a Casa de Passagem que em virtude da pandemia está acolhendo pessoas em situação de rua agora em tempo integral para garantir a quarentena”. Também foi organizado um novo espaço de acolhimento emergencial, sobre a responsabilidade da Divina Misericórdia, além de serem disponibilizados os serviços oferecidos pelo Centro POP. Também ocorre um trabalho articulado junto ao Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPS-AD) e do Consultório na Rua, que está fazendo a testagem para diagnóstico do novo coronavírus dessa população.

Além das ações concentradas de testagem para a COVID-19, quando são identificadas pessoas com sintomas, são seguidos os protocolos da Vigilância Epidemiológica, para acompanhamento clínico e isolamento.

O Centro POP fica na rua São Joaquim, 818, no Centro. A Casa de Passagem localiza-se na rua Rotary Clube, 101, na Vila Marina.