Prefeitura instalou câmeras e novas alarmes em 8 escolas municipais

Monitoramento da GM

A Prefeitura de São Carlos, por meio da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social, já instalou câmeras e novos alarmes de segurança em oitos escolas da rede municipal de ensino. Na próxima semana outras seis unidades escolares também vão receber os novos equipamentos.


Os Centros Municipais de Educação Infantil (CEMEIS) Carminda Nogueira de Castro Ferreira, no Residencial Eduardo Abdelnur; Homero Frei, no Santa Felícia; Nilson Gonçalves, no Jardim Embaré; Regina Aparecida Lima Melchiades, no Parque Novo Mundo; João Paulo II, no Pacaembu; Victório Rebucci, no Pacaembu, e na Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) Janete Maria Martinelli Lia, também no Pacaembu já foram instaladas câmeras e novos alarmes.


Na próxima semana, os equipamentos serão instalados nas seguintes unidades escolares: EMEB’s Ulysses Ferreira Picollo, no Residencial Eduardo Abdelnur; Arthur Natalino Deriggi, no Cidade Aracy; Alcyr Afonso Leopoldino, no Jardim Araucária; nos CEMEI’s Dário Rodrigues; no Cidade Aracy; Professora Amélia Meirelles Botta, no Arnon de Melo e na escola José Marrara, no Jardim Bandeirantes.


O investimento é de R$ 494.999,97 com recursos do próprio município referente ao Pregão Eletrônico 66/21 para aquisição de equipamentos, com serviços agregados, para administração, segurança e monitoramento. Por esse certame, estão sendo atendidas 13 escolas além dos Centros da Juventude Eliane Viviane, no Monte Carlo, Lauriberto José Reys, no Cidade Aracy, Piscina do Cidade Aracy e outros 6 prédios públicos.


Segundo o diretor de Operações de Inteligência e Tecnologia da Secretaria de Segurança Pública, Evandro Gimenez Mione, também estão sendo instalados novos alarmes. “Nesta primeira etapa estamos instalando câmeras, sensores de monitoramento internos e externos, novos alarmes e sensores de fumaça em 13 escolas. Cada unidade, dependendo do tamanho, está recebendo de 8 a 10 sensores externos. A partir do disparo do equipamento, as imagens são enviadas em tempo real para a Central de Monitoramento da Guarda Municipal que envia a viatura na hora para o local. Já nas escolas as imagens são gravadas 24h. Os diretores também podem acessar todas as imagens pelo celular”, explicou Mione.


“É importante ressaltar que nossa gestão está pautada na responsabilidade em relação aos recursos públicos. Esperamos oferecer um ambiente seguro para todos da nossa rede municipal de ensino, pois estamos fazendo um investimento no valor de R$ 2,6 milhões em equipamentos de segurança nas nossas edificações, além de fortalecer o olhar de toda a comunidade da escola sobre a segurança que o ambiente escolar deve ter”, disse a secretária de Educação, Professora Wanda Hoffmann.


Para o secretário de Segurança Pública, Samir Gardini, os equipamentos vão contribuir para a diminuição de furtos nas escolas. “Foi um pedido do prefeito Airton Garcia e que agora começamos a execução do projeto. Fizemos o primeiro processo licitatório e já estamos finalizando o segundo processo para a implantação da última etapa. Vamos atender todas as escolas da rede municipal e também outros prédios públicos. Não temos efetivo para manter um guarda municipal em cada uma das 61 unidades escolares municipais por 24h, por isso optamos pelo monitoramento eletrônico com câmeras e alarmes modernos”, ressalta o secretário.


Nesta sexta-feira (18/02) foi realizada a sessão pública relativa ao Pregão Eletrônico 156/21, no valor estimado em R$ 2.605.493,33 para aquisição de mais câmeras e alarmes para instalação nas outras 48 escolas do município e demais prédios públicos. Sete empresas participaram, sendo que 3 foram desclassificadas. No momento a Comissão de Licitação realiza a conferência dos documentos das empresas classificadas.