Presidentes das Câmaras de Araraquara e São Carlos discutem novas ações contra pedágio na WL

Aluisio Boi e Roselei Françoso discutem novas mobilizações contra instalação de pedágio entre São Carlos e Araraquara

Os presidentes das Câmaras Municipais de Araraquara, Aluisio Boi (MDB), e São Carlos, Roselei Françoso (MDB), se reuniram na última quarta-feira (5) para discutir pautas comuns, especialmente a possibilidade de instalações de uma praça de pedágio no quilômetro 255 da rodovia Washington Luís. O ex-presidente do MDB, Antônio Cotrim, e o diretor de Manutenção da Secretaria de Educação de São Carlos, Roberto Rado, também participaram da reunião.

Uma consulta pública realizada pelo governo estadual, por meio da Agência Reguladora do Estado de São Paulo (Artesp). se encerra nesta segunda-feira (10). Qualquer interessado pode enviar uma manifestação pelo e-mail novasconcessoes@artesp.sp.gov.br até às 18 horas desta segunda.

Com relação ao pedágio, os presidentes disseram que as articulações e movimentos contrários continuam sendo discutidos. “Já realizei encontros em São Paulo para conversações sobre a suspensão das discussões do projeto do pedágio na Rodovia Washington Luís. Não podemos baixar a guarda”, comentou Françoso. Boi, por sua vez, já se reuniu com o secretário de Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo, Marco Vinholi, também na capital paulista, quando trataram do assunto.

A possibilidade de instalação desta praça de pedágio trouxe indignação para todas as cidades da região. No dia 12 de novembro do ano passado a Câmara Municipal de São Carlos realizou uma audiência pública que reuniu lideranças políticas e empresariais de todas as cidades da região. “Naquela oportunidade mostramos claramente ao governo do Estado que somos contrários a esse pedágio, que o Estado precisa rever sua posição”, destacou Roselei.

Roselei e Boi irão convidar o presidente da Câmara de Ibaté, Valentim Aparecido Fargoni (Patriota), que é mais uma voz contra o pedágio, para uma reunião a ser agendada no Palácio dos Bandeirantes e buscar, junto aos secretários, o arquivamento do assunto pedágio na Rodovia Washington Luís.

Manifestação – Diversos vereadores de São Carlos, Araraquara, Ibaté e demais municípios da região se manifestaram contrários à instalação do pedágio. Desde o dia 21 de outubro de 2021, quando a Artesp anunciou pela primeira vez a possibilidade de instalação do pedágio, ocorrem manifestações e protestos contrários.

No dia 22 de outubro, liderados por Roselei e Boi, um grupo de vereadores e outras lideranças, fez um protesto no km 255 da rodovia Washington Luís. No dia 27 de outubro, vereadores, secretários municipais e demais autoridades protestaram na audiência realizada pela Artesp em Araraquara. Um abaixo-assinado lançado pelo Roselei reuniu mais de 3,7 mil assinaturas contrárias à instalação do dispositivo.