Primavera: Saiba como será a nova estação que começa hoje

A Primavera é a estação das flores

A primavera de 2020 começa no dia 22 de setembro, às 10h31, no horário de Brasília, e prossegue até às 7h02 (Brasília) do dia 21 de dezembro.

Em quase todo o Brasil, a primavera é uma estação de transição do clima seco e frio do inverno para o clima quente e úmido do verão. A palavra primavera vem do latim primo vere, que pode ser entendida como o “primeiro verão”.

Primavera significa aumento da chuva e do calor para a maioria das áreas do Brasil, mas em quase todo o Nordeste, é a estação do calor intenso e da seca. A porção norte da Região Norte tem pouca chuva durante grande parte da primavera.

Primavera com La Niña

Desde o começo de setembro de 2020, as águas do oceano Pacífico Equatorial Leste estão com temperatura abaixo da média. É este resfriamento que caracteriza o fenômeno oceânico-atmosférico La Niña que, como o El Niño (aquecimento acima do normal do Pacífico Equatorial Leste), modifica o padrão de chuva e de temperatura em diversas regiões do planeta.

A expectativa é de que este evento La Niña seja fraco e de curta duração.

 

Primavera 2020 na Região Sudeste

No Sudeste do Brasil, não se pode estabelecer uma relação direta do fenômeno La Niña com a precipitação sobre a Região. A maior influência é na temperatura que tende a ficar um pouco abaixo do normal.

Durante a primavera de 2020, a previsão é de que ocorram convergências de ventos forçando maior concentração de umidade sobre os estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo, facilitando a ocorrência de chuva.

 

Em outubro, a chuva privilegia São Paulo, o que inclui a região de São Carlos, mas em novembro e em dezembro, a chuva será mais frequente e volumosa sobre Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo.

 

Sobre a Climatempo

Com solidez de 30 anos de mercado e fornecendo assessoria meteorológica de qualidade para os principais segmentos, a Climatempo é sinônimo de inovação. Foi a primeira empresa privada a oferecer análises customizadas para diversos setores do mercado, boletins informativos para meios de comunicação, canal 24 horas nas principais operadoras de TV por assinatura e posicionamento digital consolidado com website e aplicativos, que juntos somam 20 milhões de usuários mensais.

 

Em 2015, passou a investir ainda mais em tecnologia e inovação com a instalação do LABS Climatempo no Parque Tecnológico de São José dos Campos (SP). O LABS atua na pesquisa e no desenvolvimento de soluções para tempo severo, energias renováveis (eólica e solar), hidrologia, comercialização e geração de energia, navegação interior, oceanografia e cidades inteligentes. Principal empresa de consultoria meteorológica do país, em 2019 a Climatempo uniu forças com a norueguesa StormGeo, líder global em inteligência meteorológica e soluções para suporte à decisão.

 

A fusão estratégica dá à Climatempo acesso a novos produtos e sistemas que irão fortalecer ainda mais suas competências e alcance, incluindo soluções focadas nos setores de serviços de energia renovável. O Grupo segue presidido pelo meteorologista Carlos Magno que, com mais de 35 anos de carreira, foi um dos primeiros comunicadores da profissão no país.