Projeto da vereadora Raquel Auxiliadora ampliará participação popular na Câmara

Vereadora Raquel na tribuna da Câmara: frentes parlamentares funcionarão como instrumento de diálogo com a sociedade

Foi aprovado na terça-feira (2), em sessão ordinária da Câmara Municipal de São Carlos, projeto de resolução da vereadora Raquel Auxiliadora que estabelece a criação das Frentes Parlamentares, com o objetivo de promover o diálogo com a sociedade, trazer as pessoas para participar e debater com os vereadores temas de interesse público.

Composta por vereadoras e vereadores e garantindo a participação  de representantes da sociedade civil (associações, sindicatos, entidades sem fins lucrativos e movimentos sociais) e de órgãos públicos, as frentes deverão ser de caráter político e temático, com reuniões abertas na Câmara ou em outro local.

Segundo Raquel, as frentes parlamentares funcionarão como instrumento de diálogo sobre temas ou causas que sejam importantes para a cidade. “Seguindo nosso compromisso em  construir de maneira  ativa e concreta um mandato participativo em conjunto com a população são-carlense, essa iniciativa possibilitará a união de diversos pontos de vistas, debates aprofundados sobre determinados temas, visando a articulação e construção de políticas públicas para a cidade”, esclarece.

A vereadora explica ainda que já protocolou na Câmara o projeto para a criação da primeira frente. “Criar as Frentes foi o primeiro passo, pois no regimento interno da Câmara ainda não existiam. A partir de agora já podemos propor e vamos iniciar pela Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos das Mulheres, espaço para propor, incentivar, desenvolver e apoiar  as discussões e ações relacionadas sobre esse tema, tão marcante na minha trajetória política. Vamos trabalhar para que seja aprovado e na sequência convidar representantes da sociedade civil, órgãos públicos e quem mais tiver interesse para integrá-la”, destaca a vereadora.

Dada a gravidade da situação pandêmica, reuniões presenciais no momento estão descartadas neste primeiro momento, contudo, as ações e relatórios também poderão ser acompanhadas pelo site da Câmara. Para além disso, o contato com a vereadora pode ser feito por meio de suas redes sociais, nas quais dúvidas e sugestões são recebidas.