Região de São Carlos tem 1.630 vagas de bolsa-auxílio de R$ 540

Estado pagará bolsa-auxílio de R$ 540 por até cinco meses, além de curso de qualificação; interessados podem se inscrever no portal do Bolsa do Povo

O Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, encerra nesta terça-feira (18) as inscrições para o Bolsa Trabalho. Na Região Administrativa Central (São Carlos), são 1.630 vagas. Os participantes recebem bolsa-auxílio de R$ 540 por até cinco meses para atividades de trabalho em órgãos públicos municipais e estaduais durante quatro horas diárias por cinco dias na semana, além de realizarem um curso de capacitação profissional. Os interessados podem se inscrever até o dia 19 de julho no site www.bolsadopovo.sp.gov.br.

“O Bolsa Trabalho é uma oportunidade para, não só ajudar financeiramente como qualificar para o futuro, oferecendo dignidade e melhorando as chances de reinserção no mercado de trabalho. O Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria, trabalha para gerar oportunidades para todos”, comentou Zeina Latif, secretária de Desenvolvimento Econômico.

Reformulado em 2021, o Bolsa Trabalho ofereceu 30 mil vagas no último ano. Em janeiro deste ano, o Governo de SP anunciou 150 mil vagas para 2022 com prioridade para mulheres, 94% das vagas na primeira etapa foram preenchidas por elas. Para a maior expansão do Bolsa Trabalho na história, foram investidos mais de R$ 415 milhões. 

Inscrições

Para se inscrever, o cidadão deve acessar o portal do Bolsa do Povo (www.bolsadopovo.sp.gov.br) e clicar no ícone Bolsa Trabalho. A convocação será feita por meio de publicação no Diário Oficial. Em caso de dúvidas, o cidadão pode entrar em contato na Central de Atendimento: 0800 7979 800 (segunda a sexta, das 8h às 18h). O atendimento eletrônico é 24h: (11) 98714-2645 – WhatsApp.

Sobre a Secretaria de Desenvolvimento Econômico

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico exerce papel fundamental para atrair investimentos ao Estado, fomentar o empreendedorismo com foco na geração de emprego e renda e incentivar a inovação tecnológica. Além disso, oferece qualificação profissional para atender as demandas atuais e futuras do mercado de trabalho.  Entre os principais programas da pasta destacam-se o Bolsa Trabalho, Bolsa Empreendedor, IdeiaGov, Banco do Povo, Empreenda Rápido e Minha Chance. No total, são 11 órgãos vinculados à secretaria, como o Centro Paula Souza,  Instituto de Pesquisas Tecnológicos (IPT), Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN), Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) e Universidade de São Paulo (USP).