Reunião na UPA da Vila Prado discutiu a segurança na unidade

GM na UPA

De acordo com o repórter Maicon Ernesto, da Rádio Sanca, uma reunião ocorreu na noite desta segunda, 28, entre o secretário de Saúde, Marcos Palermo e os servidores que atuam na Unidade de Pronto-Atendimento da Vila Prado. A pauta do encontro foi a segurança dos trabalhadores.

O tema voltou à baila novamente depois que uma briga envolvendo três pessoas terminou com um homem detido e parte do prédio danificado no último final de semana. Os trabalhadores pediram providências da Prefeitura para resolver a situação da segurança, pois o local desde o início da pandemia de COVID-19 estava sem agentes da Guarda Municipal.

De acordo com o apurado, a UPA na noite desta segunda muitas pessoas esperavam atendimento, contudo como chegou uma urgência no local, essa teve prioridade, já que a unidade segue o protocolo de Manchester que usa cores para qualificar o atendimento, os casos azul e verde, tidos como mais leves, serão atendidos, porém isso demorará um pouco mais.

Já os casos amarelo e vermelho (mais graves) serão atendidos com mais celeridade como determina o protocolo.

Duas viaturas da Guarda Municipal estão no local. Uma delas fará uma ronda na região e a outra ficará até às 6 da manhã, depois, quando o plantão for trocado, uma outra viatura irá para o local.

Fotos: Maicon Ernesto/Rádio Sanca