Rússia anuncia registro da 1ª vacina contra a COVID-19

Putin disse que filha tomou vacina

Nesta terça, 11, o presidente russo, Vladimir Putin,  disse que o país registrou a primeira vacina do mundo contra a COVID-19. O ministro da Saúde da Rússia, Mikhail Murashko, afirmou que o teste imunológico garante eficácia e segurança. A informação nasce após um aviso da Organização Mundial da Saúde  pedindo respeito às diretrizes estabelecidas para que uma vacina fosse criada com segurança. A comunidade científica internacional teme que, na corrida política pelo pioneirismo da criação do medicamento, etapas que garantam eficácia e segurança sejam ignoradas. “Esta manhã, pela primeira vez no mundo, uma vacina contra o novo coronavírus foi registrada, sei que é bastante eficaz, que proporciona imunidade duradoura”, afirmou o presidente Russo.

Putin informou que uma de suas filhas foi vacinada contra o Coronavírus. “Uma das minhas filhas tomou esta vacina. Acho que ela participou nos experimentos”, reportou acrescentando que ela teve um pouco de febre, porém nada mais que isso.