Saiba detalhes de como ocorreu a tentativa de assalto contra Edson Ferraz

Ferraz foi alvo de bandidos

A tentativa de assalto contra a casa do ex-secretário de Esportes e atual candidato a vice-prefeito na chapa de Airton Garcia, Edson Ferraz, ocorrida na madrugada desta sexta, 18, mobilizou muitas pessoas.

O presidente do MDB, partido de Ferraz, e secretário de Habitação e Desenvolvimento Urbano, João Muller, deu sua versão sobre os fatos. “Muitas pessoas estão ligando para saber o que aconteceu na tentativa de assalto à casa do Edson Ferraz. Sua esposa, Marta ouviu os cachorros latindo, no fundo do quintal e saiu pra ver o que estava acontecendo.  Um dos meliantes, em posse de uma faca a dominou com uma gravata”, disse.

Segundo Muller, Ferraz ouviu barulhos e foi até o quintal. “Edson escutou ela gritar e saiu para ver o que aconteceu, quando se deparou com três bandidos, um com arma em punho. Nervoso reagiu e foi para cima dos bandidos. No corpo a corpo sua esposa fez um pequeno corte no dedou ou na mão.  Contra três, Edson levou algumas coronhadas na cabeça e no rosto. Tiros foram disparados mas graças a Deus não o acertaram”, relatou.

O secretário contou que está acompanhando o caso. “Estive na Unimed conversei com o casal. Marta estava tomando pontos na mão.  Edson estava na maca, com soro e o rosto bem machucado. Fez raio-x e os médicos chamaram um oftalmologia para ver o olho esquerdo que está fechado e muito inchado. Me disse que está sem dor, ou pouco acelerado. A PM e GM vasculharam local para tentar prender os três bandidos. Vai ficar tudo bem, apesar do susto”, finalizou.