São Carlos é a cidade com a maior população da Região Central, aponta IBGE

Uma vista de São Carlos/Foto: Maurício Duch

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que São Carlos tem uma população estimada em 254.484 pessoas numa área territorial de 1.136,907 quilômetros quadrados. A Densidade Demográfica (ainda de 2010) é de 195,15 habitantes por quilômetro quadrado, sendo que a escolarização está na casa dos 97% e o Índice de Desenvolvimento Humano é de 0,805, dados também de 2010. A estimativa populacional foi apresentada hoje, 27, pelo órgão governamental.

A mortalidade infantil em São Carlos está em 7,74 por mil nascidos, segundo o IBGE (dados de 2017) e o Produto Interno Bruto (per capita) é de 42.568,73 Reais, valor também obtido em 2017.

Em termos populacionais, São Carlos lidera a estatística regional com folga, pois Araraquara tem 238.339 habitantes pela estimativa do IBGE, enquanto que Rio Claro ficou com 208.008 habitantes.

Hoje, o IBGE estima que o Brasil tenha 211,8 milhões de habitantes, sendo que São Paulo continua sendo o município mais populoso, com 12,3 milhões de pessoas.

Com apenas 776 habitantes, Serra da Saudade (MG) é a cidade brasileira com menor população.

Um dado interessante é que 21,9% da população está concentrada em 17 municípios, todos com mais de um milhão de habitantes, sendo que 14 são capitais estaduais.

Em 2020, eram 49 os municípios com mais de 500 mil habitantes e o grupo de municípios com até 20 mil habitantes é aquele que, proporcionalmente, apresentou maior número de municípios com redução populacional, com 1410 (37,3%).

Os municípios entre 100 mil e um milhão de habitantes são os com maior contingente com crescimento superior a 1%, totalizando 142 (46,0%).

Em 28,1% dos municípios (ou 1.565 cidades) houve redução populacional, enquanto apenas 205 municípios (3,7% do total) tiveram crescimento igual ou superior a 2%.

No ranking dos estados, São Paulo segue como o mais populoso, com 46,3 milhões de habitantes, concentrando 21,9% da população total do país, seguido de Minas Gerais (21,3 milhões de habitantes), e do Rio de Janeiro (17,4 milhões). Os cinco estados menos populosos, que somam cerca de 5,7 milhões de pessoas, estão todos na Região Norte: Roraima, Amapá, Acre, Tocantins e Rondônia.