São Carlos em Rede apresenta a poesia “MEL”

O mel dos teus olhos me fascina
Porque nele vejo o desejo que sempre tive
A tua boca é um mar quente que me envolve
E nele me perco, me afogo, me desespero
Depois do seu beijo, qualquer tempestade vai embora
Depois do seu corpo, qualquer outro não tem nenhum valor
Querer você não é uma opção, mas sim um sacerdócio
Amar você é uma obrigação
Nos teus braços a felicidade não acaba nunca…

Poesia: M.A.

Imagem de fancycrave1 por Pixabay