São Carlos está “empesteada” pelo mosquito da Dengue

Mosquito passeia pela cidade

Darei um relato pessoal: só na minha casa que tem quintal limpo, vasos limpos, ralos limpos e tudo bem guardado e conservado matei pelo menos cincos mosquitos que eram da linha aedes aegypti, ou seja, aquele que é transmissor da Dengue.

Meu pai, um senhor de 74 anos, teve Dengue, está com o corpo todo manchado, com dores, a situação é a mesma: casa limpa, tudo certinho, mas acabou picado.

Em minha moradia é repelente, aquele que dura dez horas, nas pernas e nos braços o dia todo, bem como o aparelho elétrico na tomada para espantar os mosquitos, mas como falei anteriormente, eles estão voando e entrando. Aliás, observei um fato curioso: picam de noite também, derrubando o mito de que o mosquito da Dengue só ataca de dia.

A Prefeitura tem culpa? Ah, tem sim! A limpeza da cidade ficou negligenciada por um tempão, o mato carcomeu diversas áreas públicas e para piorar os porcalhões (munícipes) continuam a jogar lixo em terrenos favorecendo o surgimento de nuvens de aedes que depois invadem as casas e fazem pessoas adoecer, ou seja, estamos num ciclo vicioso que não tem fim. Falam em pouco mais de 500 e alguma coisa de casos confirmados, mas certamente temos milhares, a subnotificação para a Dengue é enorme. Temos uma morte confirmada e mais uma investigação, numa prova de que essa doença é perigosa e muita gente não a leva sério.

Para piorar, nas farmácias não há soro para hidratação, aqueles soros que bebemos como o famoso Rehidrat, uma balconista me contou que está tudo zerado porque a positividade para a Dengue é grande e as pessoas procuram o soro para o tratamento, visto que a hidratação é uma das formas de se tratar a sintomatologia da Dengue.

Acreditem, caros leitores, a situação é de caos e perigosa, porque a Dengue está passeando na sua casa e você pode não estar vendo. Essa doença silenciosa e terrível além de incomoda e dolorida é capaz de matar e tirar de você alguém que tão amado.

Por isso, limpe o quintal, cobre o vizinho, use repelente e também denuncie o porcalhão que suja terrenos públicos. A Dengue mata, precisamos nos unir contra o mosquito.

Renato Chimirri