Seleção para trabalhar no Atacadão movimenta o Centro de São Carlos

A seleção do Atacadão que está ocorrendo na Casa do Trabalhador na manhã desta quarta, 16, movimentou o Centro de São Carlos. Mais de 500 pessoas se aglomeraram na esquina da avenida São Carlos com a Conde do Pinhal.

Segundo Walcinyr Bragatto, secretário de Trabalho, Emprego e Renda, serão 260 vagas de emprego no Atacadão. “Estamos tentando abrir a cidade para novas instalações e essa empresa traz vagas em diversos setores, algumas foram preenchidas no início do processo, algumas delas exigem experiência, escolaridade, fazemos seguindo as normas do Ministério do Trabalho e também atendendo as demandas da empresa”, afirmou.

Bragatto afirmou que o interessado em comparecer à Casa do Trabalhador precisa levar a Carteira Profissional e o número do PIS, o CPF, RG e comprovante de residência atual. “O interessado fará um cadastramento, a pessoa tendo o perfil para a vaga, receberá uma carta de encaminhamento e a entrevista com a própria empresa que hoje ocupa o nosso espaço e faz a seleção”, disse.

Para as funções de operador de caixa e repositores as vagas já foram preenchidas. “Não temos como mandar pessoas além do número que a empresa poderá entrevistar, a triagem comum é feita por ordem de chegada e com isso as vagas são completadas, quando completa o número, a seleção é interrompida, depois voltamos e vemos as demais vagas se as pessoas têm interesse”, explicou.

A média diária de atendimento da Casa do Trabalhador é de 250 pessoas, mas somente ontem foram atendidas pelo menos 400 pessoas. “Hoje devemos chegar próximo de 500 atendimentos, estamos procurando otimizar o atendimento e avisamos na fila quando uma vaga termina para que as pessoas não percam tempo, queremos e temos o dever em demonstrar atenção para quem nos procura”, ressalta.

Hoje, fora as vagas do Atacadão, a Casa do Trabalhador tem 51 outras oportunidades para os interessados.