Sicoob Crediacisc fez palestra de sensibilização em Ribeirão Bonito

Palestra em Ribeirão Bonito

A diretoria do Sicoob Crediacisc, cooperativa de crédito nascida há 16 anos em São Carlos, esteve em Ribeirão Bonito na noite de quinta-feira (21) para um encontro de sensibilização com lideranças locais.

Empresários, comerciantes, funcionários públicos, imprensa local, o prefeito Carlos Caregaro e o vereador Armando Lombardo Simões participaram, entre outros, participaram do evento. O diretor presidente Marcos Alberto Martinelli, e o cooperado conselheiro, Silvio Donizete Possato, representaram a cooperativa no encontro.

Martinelli contou a história da Crediacisc, que nasceu em 2005 a partir da iniciativa de 30 pequenos empresários ligados à Associação Comercial (Acisc) com um capital de R$ 30 mil e que hoje reúne 2,1 mil cooperados, ativos de R$ 37 milhões e patrimônio líquido de R$ 4,2 milhões.

“Nós temos certeza que em São Carlos, ao longo desses 16 anos, muitos empregos e empresas foram preservados graças a atuação da cooperativa de crédito, que quando ninguém mais emprestou dinheiro, estava à disposição, apostando no comercial e empresário local”, disse Martinelli.

“O cooperativismo é um movimento mundial e, no caso do cooperativismo de crédito, cresce cada vez mais, principalmente em cidades menores, porque os grandes bancos estão cada vez mais digitais”, destacou.

Segundo Martinelli, de acordo com dados do Banco Central do Brasil, Ribeirão Bonito mantém cerca de R$ 80 milhões diariamente no sistema financeiro. “Esse dinheiro está aplicado em nome das empresas e pessoas da cidade e precisamos fazer girar na economia local”, detalhou.

Ribeirão Bonito é uma das cidades de expansão do Sicoob Crediacisc, assim como Dourado, onde um escritório de negócios já está funcionando na Galeria Pérola, Sala 7. Para ter uma sala de negócios e futuramente um ponto de atendimento com caixa, é necessário obter mais cooperados.

“A cooperativa de crédito é uma alternativa importante, que pode funcionar como uma segunda instituição financeira, cujo objetivo é movimentar a economia local”, destacou Martinelli.