Vacina Russa contra a COVID passa em testes e deve ser lançada em agosto

Cientistas da Rússia anunciaram hoje, dia 13, que a primeira vacina do mundo contra o Coronavírus será distribuída a partir do mês que vem, já que os ensaios clínicos terminaram. “A pesquisa foi concluída e provou que a vacina é segura”, disse Yelena Smolyarchuk, chefe do centro de pesquisa clínica da Universidade Sechenov disse para a agência russa TASS.

Sendo assim, a vacina deverá estar disponível entre os dias 12 a 24 de agosto, a produção em massa pode começar em setembro com empresas privadas. Os testes começaram em junho e utilizaram dois grupos, o primeiro com pessoas saudáveis (38) com idades entre 18 a 65 anos, e os militares russos começaram outro ensaio com o mesmo medicamento no Centro Nacional de Pesquisa Gamalei para Epidemiologia e Microbiologia.

Os voluntários ficaram isolados por 28 dias e os testes demonstraram que eles tem uma resposta imune e não tiveram reação atípica, apenas alguns registraram cefaleia e um pouco de febre, o que desapareceu em 24h. Hoje são 21 vacinas em estágio avançado, duas no Brasil. a de Oxford e a do Butantan, ambas na fase 3 de testes.